Dia do Blogue - 3108

Afinal a blogosfera tem um dia, e esse dia é hoje. Já li montes de reportagens online e fiquei desiludida, pois a nossa blogosfera resume-se a blogues de famosos e de jornalistas. Há tantos por ai que são escritos por pessoas espetaculares que têm uma capacidade de escrita de meter inveja, mas nada de fama para o lado deles. 

Quando criei este blogue a primeira coisa que me veio à cabeça foi - manter a minha privacidade ou dar a cara?  Decidi preservar-me e não fugir da minha realidade, pois para fantasias já bastam as novelas. Depois também pensei em temas, mas deixei esse campo em aberto.                   Outra coisa que chateia na blogosfera é o facto de muitas de vocês andarem por aqui pelos patrocínios e ter coisas de borla. Não vale a pena dizer que não, lá no fundo vocês sabem que é verdade. 
Os textos variam, por vezes são simples, sinceros e criativos, mas também podem ser mal compreendidos. Mas isto não é uma mar de rosas, pois os anônimos são as pessoas mais otárias de sempre, mas nós adoramo-los. Como diz o Tony: Eu sem ti, quem era eu sem ti, a nossa relação será sempre de amor-ódio, não é?

Quando se cria um blogue, deve-se ter em atenção a estas perguntas:

- Publico ou intimista? - O que escrever nele?- Privacidade ou dar a cara? - Deve ser  temático, ou fugir à regra?  - 

Os blogues serão sempre um bom motivo de alarido, mas cada um sabe o que quer partilhar.  Blogues como os meu serão apenas diários online que nunca chegarão aos calcanhares de outros com tão pouco conteúdo e tanta qualidade de imagem. Blogues como o meu, são apenas diários online. Hás-de ser sempre simples e meu, eu cá gosto disso e espero que vocês também gostem do vosso.

8 comentários:

Sara Moreira disse...

Concordo completamente contigo. Já à vários anos que eu tenho blogs desde os pessoais aos temáticos e felizmente continuo nesta rede de que tanto me orgulho :)

Clair de Lune disse...

TimTim, adoro as tuas visitas e comentários queridos no meu blogue! Beijoca grande **

FME disse...

Subscrevo as tuas palavras! sinto o mesmo em relação à blogoesfera... tenho uma espécie de patrocínio lá no blog mas nunca ganhei nada sou tolinha devia tirar aquilo de lá xD

Carolina disse...

Concordo totalmente! :)

Sara Silva disse...

bem, ou eu não venho ao teu blog há imenso tempo ou tu mudaste muito porque gosto mais da tua escrita agora e o layout do blog está mais apelativo assim :)

concordo com tudo o que escreveste! às vezes é difícil preservar a identidade do blog porque existem as tentações de ofertas de parceria e acabamos por nos vender um pouco, acho que é isso que acontece em blogs que fogem um pouco da vertente pessoal. no entanto eu gosto de ler de tudo um pouco, porque depende do meu estado de espírito: na minha lista tenho vários blogs "materialistas" como outros apenas sentimentais.

e quase me esquecia do que queria dizer primeiro e que tu referiste no início do post: não vi nem li essas reportagens ou notícias mas li vários comentários de bloggers indignadas. sinceramente essa atitude por parte dos media já seria de esperar e só me fez menosprezar ainda mais os blogs dos famosos.

beijinhos!

Margarida Ribeiro e Silva disse...

Entrei neste mundo da blogosfera há cerca de 3 anos e no início pensei nessas mesmas perguntas que mencionaste. Optei por ter algo mais intimista, mais meu, e raramente dou a cara. Mas também não condeno quem a mostra, que se expõe mais. A maioria dos blogues que sigo são na verdade do mais público que pode haver e, já diz o velho ditado, cada um sabe de si. Não podemos dar um passo maior do que a perna e aprender a fazer apenas aquilo que conseguimos gerir depois.
Percebo perfeitamente o que dizes quando falas nas pessoas que só cá andam pelas coisas grátis, a dita "brigada do croquete". Não vejo nenhum mal em tirar proveito dessas coisas com o nosso blogue, juntar o útil ao agradável, mas não percebo relamente a lógica de quem tem mil e uma parcerias e zero de conteúdo no blogue.
Isto tudo para dizer que me identifico bastante com o estilo do teu blog e já te estou a seguir ahaha

Beijinho

Ana Catarina disse...

confesso que isto da blogosfera já me interessou mais! (by the way, estou a adorar o livro do Pedro Chagas! ;) )

Tânia Sequinho disse...

Completamente! :)
Beijinhos, Tim!