Acabaram-se as férias... como se eu já não tivesse de férias há mais de um ano. É melhor dizer, fui desanuviar a cabeça. 
Foi bom ir à terrinha, ouvir aquele sotaque, comer aqueles folares, ir aos bailaricos mas sobretudo matar as saudades. 

Wendy Nazaré - Lisboa



Wendy Nazaré é uma cantora belga que decidiu pegar nas suas raízes lusitanas e homenageou-as no seu segundo álbum "A tire d'ailes". Têm também descendência inglesa e argeliana. O clipe como vocês podem ver, e como é óbvio, foi gravado em Lisboa.

Não se deixem enganar pela voz e pela carinha laroca, pois esta menina tem um mestrado em Psicologia. Dá para perceber que canta por paixão e não pelo negócio discográfico. 





Ca n'fait même pas 20 ans que j'te connais et toi tu vois déjà dans mes veines 
Le creux qu'à laissé les larmes et la distance de 2000km 
C'est parce que t'as la même gorgé de soleil et de souvenirs qui dansent 
Au rythme des fados, de leur robe noir et des cris immenses 
Y'a comme un goût de par coeur que je parcours dans tes soirs, tes matins 
Pourtant on n'est ni soeur ni amant d'avec ou sans lendemain 
On a ces mêmes grands places, ces grands hommes qui nous ont marqués au fer 
Depuis Salazar le marquis de Pombal jusqu'à nos terribles grand-pères 

Refrão: 
Cheira bem, já tem sol, Cheira a lua, cheira a Lisboa 
Cheira bem, já tem sol, Cheira a lua, cheira a Lisboa 

Perdue entre la mer et les montagnes mentholées de Sintra 
Toi tu te repères avec un nuage d'alegria 
Ta seule ligne de conduite est de suivre le vent et peu importe 
Des marées où tout passe, orage, tourment, pourvu qu'il t'emporte padapadapada 

Refrão. 

Tu t'es rebâties après un séisme pire que l'enfer 
Plus belle, plus rayonnante 
Tu nous éclabousses de lumière 
Et ça me rassure de savoir que même quand nous ne serons plus là 
Même juste dans l'air encore, on te sentira padapadapada 


A música está aprovada?

Já desde Dezembro que andava ansiosa por este Mariage





A minha prima tinha um sonho, casar-se em Portugal. Não podia ter escolhido melhor o local, Nossa Senhora dos Remédios em Lamego. Nunca lá tinha estado, mas achei a região bastante acolhedora e com paisagens de cortar a respiração. 

Saímos de casa às 6h da matina, troquei de roupa numa área de serviço, não sabia que havia casa de banho no santuário e ainda consegui maquilhar-me antes da cerimónia. 

A missa estava marcada para as 10h, mas nenhuma noiva foge à regra, e ainda bem, pois caso contrário não daria para conhecer o santuário. A cerimónia foi metade portuguesa /francesa, mesmo assim deu para dar umas risadas com o padre a ler français. Como é tradição tiram-se as fotografias, mas os noivos quiseram a coisa simples. 


O copo d'água foi na quinta do Paraíso Douro, a quinta têm uma vista maravilhosa sobre o Douro, para não falar da comida. A comida não podia ser mais "típica" desde canja ao leitão...  coisas boas. A animação foi engraçada(metade french/portuguese), houve um concurso de dança, perguntas aos noivos e ao apita ao comboio. Não ficamos lá até ao fim, e depois das sobremesas fizemo-nos à estrada. Não vimos ao vivo o fogo-de-artifício nem o bolo da noiva, mas os noivos fizeram-nos uma visita, trazendo as fotografias. 





Valeu a pena a viagem e o casamento foi lindo.

Hits de Verão


Graças à instrutora de Pilates fiquei viciada nesta música, para não falar que nos dá logo energia pela manhã. E vocês, o que andam a ouvir?

Em Setembro volto à rádio, preparadas? Respondam a este post, não custa nada.


Os transmontanos dizem "Bôh" e os francesse "Bah lá". 

Meu querido mês de Agosto

Não tenho nada a dizer a não ser... passo os dias a ir ao ginásio e aos Pilates. E sabem uma coisa, 5cm de cintura foram à vida. Pimbas!