De certeza



Que têm um monte de coisas para fazer, mas que ainda não fizeram nada? Bem, somos mulheres que gostamos de guardar as coisas para amanhã, tem algum mal?

Terá ela razão? Tenho medo?


Ela tem razão. Desde que o outro fez o favor de me deitar abaixo, não consigo avançar com a minha vidinha. Mas o chocolate faz melhor que uma paixoneta de meia tigela, ou então, estar com amigas a rir ainda faz melhor.
Sim, é verdade. Devo ter medo de me apaixonar outra vez... mas quem não tem depois de um desgosto? É normal certo?



Odeio quando os prof's me chamam, fico logo com uma cara de pânico, e todos se apercebem. Ontem foi um dia em que o prof de Técnicas me chama e eu engulo em seco e penso: A minha notícia está mal feita e já vais chumbar à cadeira.
Nada disso, panicar para que? Afinal era para me dar os parabéns... mas agora recebi a mensagem de uma pessoa que quero entrevistar a dizer que está disponível e que me quer muito ajudar no trabalho de rádio. Quem me conhece, já sabe o que vai acontecer... vou entrar em pânico e vou corar feita maluca como também colocar a minha pseudo-franja frente dos olhos. 

p.s:. Depois digo-vos quem vou entrevistar, e se quiserem, até vou deixo fazer perguntas 


E ao que parece auto-censuro-me. 

Uma coisa é certa


Já estamos em Abril e um dos meus objectivos de 2012 está a chegar. Acabar o curso está a ser um desafio que quero que acabe bem depressa. Escrever notícias, fazer rádio e não conseguir estar frente às câmaras sem corar está a ser uma experiência... bem não há palavras. Depois de tantos dias atribulados, meses à espera que  tudo volta-se ao normal, tinha que aparecer algo para destabilizar tudo. Entrei em 2012 com um objectivo e vai ser cumprido a todo o custo. 

Fim de semana preenchido

Mas para relaxar, vamos ouvir música. 


Norah Jones para começar 



E se a matéria enervar, vamos passar a Demi Lovato



Vamos lá pessoal... Ah! Tenho de ir ali escrever a crónica... de certeza que já têm saudades. 

Pilha de nervos



Faltam 2 meses, 2 MESES para acabar o curso. Estou com os nervos à flor da pele, pois estou com receio de chumbar nalguma disciplina, sendo este o último ano da licenciatura seria horrível. Não têm noção das coisas que tenho a fazer, e dos trabalhos que tenho para apresentar. A sorte no meio disto tudo é que sou organizada e já tenho um trabalho encaminhado, quer dizer, dois trabalhos dos três que tenho para fazer. Estou em pânico! Tenho de distribuir fitas para a benção, tenho aulas, tenho uma consulta que me dá cabo dos nervos, mas pensamento positivo. Quero ver onde arranjo tempo, se calhar dormir é um desperdício de tempo, tenho que ver a minha agenda e ver se consigo programar descanso e diversão. E mais uma coisa, quero ver se vou à minha terrinha um fim de semana, porque as saudades já se sentem e ficar um ano sem lá ir é chato. Ai e a procura do estágio? Férias? Bem vou arregaçar as mangas e trabalhar. 

Devaneio 4#

O sonho continua, mas a sua realização permanece instável. O passado já lá vai, mas o presente de nada vale. Mas porque raio tem de ser assim? Quando nada se tem, nada se vai ter. 

É sexta - feira.... vou ver filmes a noite inteira... amanhã começo a estudar para os trabalhos da faculdade....

Não fazia ideia que vocês gostavam tanto deste blogue

Li este comentário e não queria acreditar...


Olá! Não sabia em que post inserir este comentário, portanto aqui o deixo na esperança que o leias. Tropecei no teu blog por acaso e ainda bem. Gostei muito e admito que passei aqui umas boas duas horas. Gosto da tua força e da tua vontade de remares contra a maré. Eu também gostava de seguir ciências da comunicação. Aliás, é um dos meus principais objectivos de vida, mas as pessoas continuam a dizer que essa profissão não me leva a lado nenhum, daí a minha necessidade de procurar pessoas que estão na mesma situação do que eu, (ou quase, não importa). Eu também tenho muitos sonhos e objectivos. Acho que todas as profissões são dignas e os teus sonhos são quem tu és, nunca os abandones. Quero que saibas que te desejo a maior sorte do mundo e visto que sou mais nova, espero também um dia ainda ter o privilégio de trabalhar contigo. Acredito que vás ser uma óptima profissional. Continuarei a seguir o teu blog. :)


Obrigada. (não tenho mais palavras para agradecer)

Mensagens enganosas só por acaso


 Sinto-me bem quando estou ao pé de ti, o problema é que isto vai ter de acabar.