Férias

São precisos 480 km para me fazer feliz (só ida),, são precisas 5 a 6 horas de carro, são precisos 4 dias para recuperar todo um ano. Só uma festa para me alegrar e fazer esquecer tudo o que se passa, mas existe um problema que não me sai da cabeça.


Foi bom esquecer por momentos a vida real...

Procura-se

Anónimo quem és tu? Gostaria de saber quem és? Ao que parece sabes quem eu sou, e isso mete-me medo.

xoxo Tim

Já está

Lá enviei outra crónica para um site onde precisam de colaboradores, mas o resultado é sempre o mesmo.
Haja saúde (é que nem isso há cá em casa)

olha


Outra crónica do 5.

é pintar em casa que está o ganho

Após a vinda da crise há vários assuntos que cá em casa tiveram que mudar, um deles foi arranjar o cabelo. 
Fiz as contas e apercebi-me que uma ida ao cabeleireiro custa 40 euros só para pintar o cabelo, e se o pintar de dois em dois meses em casa consigo gastar 40 euros num ano. 
Lancei-me a aventura, a minha mãe comprou a tinta (6euros)  e esta tarde pintei-lhe o cabelo.
Estava cheia de medo, pois caso desse mau resultado a culpa seria minha. No fim agradeceu-me, pois os cabelos brancos estavam pintados e o cabelo estava da cor que ela queria. Neste andamento ainda abro um salão de beleza, pois já faço pedicure e arranjo as sobrancelhas em casa, só nestas coisas poupo por volta de 15 a 20 euros.
É no poupar que está o ganho, e cada vez mais ando a poupar. 

A verdade ela não quis ouvir

Custa viver das bases de mentiras, custa acreditar que este mundo não está para ser sincero. Ser criança é viver num mundo de fantasia, onde todos nos dizem que vamos ser alguém e que alguém estará ao nosso lado para nos apoiar, pois bem, começam a mentir-nos. Haverá sempre o egoísmo, tanto da nossa parte como da parte de outros. A Cinderela anda ai a lavar escadas, enquanto o marido vai lavando a boca com a bela da loirinha. . A Barbie existe, mas não num modo simpático. Se as histórias de encantar são verdadeiras, o mundo fica perdido. 
O irreal existe, mas para isso é preciso trabalho e sorte. Não basta acreditar para obter, mas é preciso trabalhar para o ter. 
Não devemos acreditar em tudo o que nos dizem, no entanto nós caímos da mentira. 
Se pensas que nada acontece por acaso? ACONTECE pois, pensas que por teres uma coisa boa não vai acontecer nada de mal? Ninguém tem sorte todos os dias, ninguém não consegue mentir. 
Recebi um comentário à dias que me pedia para fazer outra vez as minhas pseudo- crónicas. Fico contente por alguém ler aquela coisa dita escrita. Tenho a dizer obrigado. 
Não se esqueçam, eu também escrevo no blogue no 5, e para quem vai lá (com enorme esforço), agradeço também =)


p.s: elas vão voltar em força, por isso, o vosso desejo é uma ordem.

Sabonete

Ontem à tarde estive a organizar fotografias e deparei-me com fotos do Sabonete. 
Em 2007 tive um cão, um caniche branco mas muito fofinho. O meu irmão adorava o cão, mas os meus pais decidiram leva-lo para casa dos meus avós, pois lá tinha mais espaço e tinha outros cães para puder brincar.
O ano passado dois dias antes do Natal, o Sabonete apareceu morto no quintal da vizinha, muito se especulou, pois não foi o único a aparecer, mas isso já é outra história.

Existem pessoas capazes de matar animais, não sei como são capazes, mas deixa-me irritada 
Os momentos que passamos com o Sabonete foram lindos, e por isso não devia ser deixado em vão. O meu irmão ficou triste, pois já tínhamos comprado uma prenda ao cãozinho. 
Agora estamos a ponderar ter outro, mas desta vez é para cá ficar em Lisboa. 

Olha a crónica frescinha

O casamento parte 2

Estou um pouco à rasca, acabou de chegar a base para a make up, mas os sapatos ainda não há. Fui ao shopping entrei nas lojas todas, mas sai de lá sem sapatos. Tudo o que eu encontrava para condizer com o vestido tinha um salto que, como é que eu hei-de dizer, empinava-me o rabo e não conseguia andar naquilo que se chama salto agulha. Estou aqui estou a ir a outras sapatarias. Alguém me pode dar uma dica? 

Peso Pesado - conclusão

Após a grande final do programa, estive a ver comentários no facebook de várias colegas minhas e só posso afirmar uma coisa... Maldade e repugnância.
Quer dizer que os concorrentes antes não eram pessoas? Não eram bonitos? Não passavam de um pote de banhas? 
Lá por o Rodrigo passo a citar "agora sim é gajo e sim está apresentável", antes não o era. Coitado do rapaz, sempre foi homem e tem sentimentos.
Sim é verdade eles mudaram, mas no fundo continuam as mesmas pessoas, mais magras com mais saúde, mas são as mesmas pessoas. Eles sempre tiveram sentimentos, e vão continuar a ter. 
Mas só agora verem a beleza física de uma pessoa, é estúpido. 
Já imaginaram os olhares que lhes mandavam? Eles são pessoas normais que têm os mesmos direitos que nós. Odeio este mundo que olha para uma pessoa "fofinha" e só lhe sabe chamar de gorda. Não cresçam que não é preciso. é por essas e por outras que fico feliz por o outro me ter chamado nomes, assim vêem-se as verdadeiras pessoas. 
Agora continuem a dizer que o Rodrigo ou o Fábio só são agora homens, porque antes ainda o eram mais. 
Estou orgulha de pessoas que querem mudar e lutam por isso, mas fico mal- disposta com as pessoas que só sabem rebaixar os outros. Façam um exercício - olhem para vocês e depois opinem sim?




p.s - não quis ser bruta, mas teve de ser. Gordo não é defeito, mas ser-se preconceitoso é e não é pouco.